sábado, 24 de outubro de 2009

Fotodicionário

A palavra indicada para esta semana no PPP foi OBSCURIDADE .

Uma palavra que se presta a muitas interpretações e assim mesmo ela foi apresentada.
Desde as vidas obscuras de muita gente anónima à obscuridade duma noite negra, tudo foi lembrado/fotografado como símbolo deste sentir.



Para a minha contribuição, encontrei nesta tela de Cristopher Wool, o verdadeiro significado da palavra.
Olho, reolho e o meu espírito fica numa obscuridade total por não conseguir entender o pensamento do artista.
Mas gosto de a olhar.

Idealizo.

Fantasio.

Compartilho convosco esse prazer.

5 comentários:

Graça Pereira disse...

Obrigada pela tua partilha!
Parece-me vários caminhos cruzados
(como na vida...)mas, com um fio condutor.. mais forte...talvez por onde devemos seguir.. Não sei! mas tal como tu, gosto de olhar!
Um beijo
Graçaconio

O Profeta disse...

Parei na viagem de rumo e estrelas
Sentei-me à beira de uma lagoa sussurrante
Um Milhafre fitou-me zombeteiro
Hesitei na procura do adiante

Na ilha há sempre uma criatura em vigília
Há sempre um feiticeiro vento
Há sempre uma flor que a alma seduz
Há sempre no acontece um mágico momento




Doce beijo

Vieira Calado disse...

Amiga, é sempre com muito gosto que venho aqui.
Há sempre qualquer coisa especial.

Agora outra coisa:

não sei onde guardei o seu endereço.

E já cá tenho os livros.

Beijinho.

Baby disse...

Idealizando...a mim sugere-me um compartimento tosco, mal acabado, onde um longo fio negro tenta segurar as estacas que o compõem....

Bjs.

bettips disse...

Também gosto da esquina do caminho com alguém que se esconde do mundo... e caminha, talvez obscura-a-mente.
Bjinhos!