quinta-feira, 29 de maio de 2008

As Mãos



No conjunto harmonioso dum corpo humano, tudo o que o compõe é importante e necessário e, cada peça por mais pequena que seja tem uma função a desempenhar, com mais ou menos habilidade.
Nem todos somos uma Rosa Mota, embora tenhamos pernas para correr; nem todos somos um Leonard Bernstein mas, também temos mãos para segurar a batuta, assim como, todos sabemos segurar num pincel mas, não somos o Van Gogh, por exemplo.
Pois, foi graças às talentosas mãos deste holandês que hoje podemos apreciar, entre outras, esta linda tela onde ele nos mostra toda a beleza singela mas, ao mesmo tempo altiva, dos lírios azuis acompanhados das rubras papoilas.


E, é graças aos cuidados das minhas mãos, obreiras vigilantes na faina da jardinagem que eu vos posso oferecer, não na tela, como o pintor, que, para isso falta-me “engenho e arte”, como disse o nosso poeta, mas sim, através desta poderosa e actualmente indispensável via internet , a imagem destes três singelos lírios, côr de malva, que embelezam o meu "rock garden".

3 comentários:

Judite Pitta disse...

Lindos os lírios! Lindas as palavras e ainda mais lindas, as mãos que tratam ps lirios, que escrevem as palavras e publicam as fotos.

laida disse...

Abençoadas mãos...
Todos nós fazemos com as nossas mãos pequenas coisas, que são grandiosas pra nós.
Parabens pelos liríos são lindos.

beijos

O Profeta disse...

São lirios meu senhor...são lírios...


Doce beijo